Clube Audio TT
Hoje é 
 Índice :

 ▶ Entrada

 ▶ O Clube

 ▶ Os Nossos Passeios

 ▶ Fottos

 ▶ Outros

 ▶ Novidades

 ▶ Links dos Sites Amigos

 ▶ Apoios

 ▶ Contactos


Site Meter

Número de pessoas que visitaram esta página !


Clube Audio TT

Todos os direitos reservados

2002 / ....


Esta página foi

actualizada em

14-Abr-2014

            Os Nossos Passeios ...

2º Passeio de 2014...

      

 

1º Passeio Audio TT

 

Pelo Couto Mineiro do Pejão

 

 

Depois de vários fins de semana gastos a preparar o Passeio, o Eduardo apresentou o convite para irmos até ao Couto Mineiro do Pejão, nos arredores de Castelo de Paiva.

Com a presença efectiva de 13 jipes e um pouco mais de 30 pessoas, números que foram menores do que  estava planeado, fruto de gripes de última hora e de um acidente ocorrido na véspera com um dos jipes que deveria ter participado, o encontro ocorreu às 9 horas da manhã na Corga do Lobão.

     

  

  

O tempo não se apresentava muito famoso, mas mesmo assim estava melhor do que nos dias anteriores e acabou até por estar razoável durante a maior parte do dia.

O percurso da manhã prometia algumas dificuldades e estas viriam certamente aumentadas na medida em que o tempo piorasse…    Aliás, um dos problemas que se colocavam era precisamente os caudais dos rios e ribeiros que iríamos atravessar a vau e que num dos casos era verdadeiramente motivo de preocupação.  Por outro lado, se o tempo estivesse muito encoberto também iria impedir que se pudesse desfrutar das vistas e paisagens muito interessantes que esta zona permite admirar.

  

  

  

  

O trajecto foi realmente muito interessante, misturando zonas com muita pedra, zonas com valas e regos de dimensões apreciáveis, zonas com lama que fizerem as delícias de todos, mas em especial dos seus apreciadores mais entusiastas, subidas e descidas de cortar a respiração e, como já foi dito, as travessias a vau de rios e ribeiros.

A somar a estes ingredientes de grande qualidade, ainda tínhamos toda uma zona em que a natureza e, nalguns casos, a mão do homem foram fazendo paisagens que ficam na memória.  Havia zonas com vegetação muito variada e até luxuriante, mas havia outras mais despidas e também algumas aproveitadas em termos agrícolas.

  

  

  

  

O “Reforço da Manhã foi feito no ponto fronteira de 4 concelhos, Gondomar, Castelo de Paiva, Arouca e Santa Maria da Feira. Desta zona é possível admirar o Douro, mas na altura em que lá estivemos, o tempo não o permitia, uma vez que havia uma cortina de nevoeiro que cobria tudo de um branco acinzentado…  De qualquer forma, o pão, queijo, fiambre, sumos, café e Favaios não faltaram como é habitual nos nossos Passeios…

Em termos de “acontecimentos” mais dignos de nota, há a registar o “afogamento” sem consequências de um Patrol ao atravessar um rio a vau, obrigando a que fosse montada uma operação de resgate interessante, uma vez que ninguém queria ir para dentro de água que não estaria certamente muito quente.

  

  

  

  

Para além da decisão acertada de se ter cancelado a descida de um corta-fogo que se apresentava demasiadamente perigoso, tivemos uma outra subida que apesar de várias tentativas, ninguém conseguiu subir, nem mesmo os jipes mais “artilhados” em termos de bloqueios, pneus apropriados e potência suficiente…

Como já foi referido, fomos encontrando em vários pontos do percurso zonas bastante “trialeiras” e que foram mais do que suficientes para colocar à prova as capacidades das diversas viaturas e a perícia dos seus condutores.

  

  

  

    

O almoço que se realizou no restaurante D. Amélia, estava realmente bom, com uma Vitela Assada de comer e chorar por mais ( não porque não houvesse mais, mas porque já não havia barriga para a comer !... ) e umas sobremesas que também deixaram recordações muito positivas.

   

  

  

  

A parte da tarde era um pouco mais curta e era também menos exigente em termos de dificuldades do percurso, mas era igualmente bonita, se não mesmo ainda mais bonita.  Desta vez andamos mais próximos do Douro e passamos na antiga Lavaria das Minas do Pejão.   Mesmo assim, aqui e ali ainda se foram encontrando zonas a exigir alguns cuidados e atenção redobrada para evitar situações mais complicadas...

  

  

  

  

O final do Passeio estava planeado para Pedorido, bem na margem do Rio Arda, na zona onde este desagua no Rio Douro, e quando lá chegamos já a noite estava a aparecer e a cobrir tudo com o seu manto escuro.

Tempo para mais uns minutinhos de conversa e eram horas de rumar a casa, que para alguns estava a cerca de 100 kms de distância…

   

  

  

  

O balanço do Passeio é sem dúvida muito positivo e é caso para dizer que o trabalho todo que o Eduardo teve a prepará-lo foi bem empregue !

   

  

  

  

É altura de ficar a aguardar pelo próximo que ainda não tem data marcado nem zona definida, mas que não deverá tardar mais de cerca de mês e meio…

   

  

  

  

  

  

 

 Rui Martins 

Clube Audio TT

 

Fottos adicionais na Página Seguinte

 

 

 

 

  Página dos Passeios       

 

O verdadeiro TT pratica-se com respeito pela Natureza !

         

Entrada ┃ O Clube  ┃ Os Nossos Passeios ┃ Fottos ┃ Outros ┃ Novidades ┃ Links ┃ Apoios ┃ Contactos